Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Exú: Tudo sobre o guia da felicidade e Orixá da proteção!

Exú é o Orixá responsável pela comunicação, disciplina, ordem, paciência e sexualidade.

Entre todos os Orixás, Exú é um dos mais populares, isso porque há uma certa confusão com o seu nome e outras Entidades Espirituais.

Também conhecido como o Orixá da proteção e o guia da felicidade, Exú é uma Entidade de grande importância para religiões africanas ou de origem africana, como as afro-brasileiras.

exu orixá
Exu: Orixá da Comunicação e da Proteção

Dessa forma, veja a seguir todos os detalhes sobre esse Orixá, considerando suas histórias, nomes, culto ao Orixá e muito mais. Você também encontrará neste artigo a diferença entre o Orixá Exú e outras Entidades que usam esse mesmo nome. 

O que é Exú?

Eshu, Esu, Bará, Akésan, Ibarabo, Yangí, Ònan, Legbá e Exú são nomes dados ao Orixá da comunicação, ordem, paciência, sexualidade e disciplina. Cultuado em diversas religiões de origem africana, como a Umbanda e o Candomblé, esse Orixá é considerado um grande protetor e guia da felicidade. 

Esse Orixá é visto nestas religiões como o guardião das cidades, aldeias, casas e até mesmo do Axé. Outras características que destacam Eshu é seu domínio sobre a união, magia, sexo, fogo da transformação e poder. 

Algumas culturas transformaram esse Orixá em uma figura ruim associada a seres como o diabo. Mas se considerarmos as verdadeiras características desse Orixá com essas associações podemos observar que é totalmente contrário ao estereótipo de um Ser Sombrio. 

Confusão sobre o nome Exú

Por estar tão próximo da humanidade e por ser confundido com os Seres chamados de Exús que são, na verdade, espíritos que habitaram a Terra, começou a associação de que o Orixá seria uma Entidade próxima aos seres trevosos. 

Tudo isso não passa de preconceito, má interpretação e, claro, da maldade humana. Então se você ouvir alguém dizer que foi Eshu que causou algum problema, saiba que isso é uma grande mentira! As pessoas são responsáveis por seus próprios problemas, e não os Orixás. 

Histórias do Orixá

Exú possui várias histórias interessantes, sendo que uma delas conta que o Orixá foi mensageiro de Oxalá durante a criação do mundo. Então, a lenda diz que o Orixá participou da criação do mundo sendo um mensageiro, que é chamado de Olorum ou Olodumare. Assim, em seu papel de mensageiro, Eshu teve que vir à Terra para avaliar se o mundo poderia ser habitado pelos seres humanos e Orixás criados por Deus. 

Quando chegou no planeta, o Orixá não quis mais voltar para o céu, e tornou-se o primeiro Orixá a conhecer a Terra e a permanecer nela. Por isso, Eshu foi o primeiro Orixá a ser cultuado e referenciado por nações que existiam nos primórdios da humanidade. Só depois que esse Orixá foi reconhecido pelas religiões africanas.

exú
Exú: mensageiro de Oxalá durante a criação do mundo

Quem é Exu na Umbanda e Candomblé?

O Orixá Exú tem características bastante peculiares! Primeiramente, ele é o único Orixá de esquerda. Isso significa que ele pode agir na Luz e na Sombra. Os demais Orixás agem apenas na Luz, por isso, são chamados de Orixás de direita. 

Por ter um contato maior com a humanidade, o Orixá é capaz de agir nesses dois lados. Esse também é um dos motivos para que exista tanto preconceito quanto ao Orixá. É importante compreender que esse Orixá é o mais próximo da humanidade, por isso, ele conhece os sentimentos humanos como ninguém. 

Sendo assim, se uma pessoa com má índole recorre ao Orixá, ele auxilia quem o solicitou.Mas quando o próprio Orixá é cobrado por ajudar essas pessoas sua ira desperta e quem agiu com más intenções também é punido. Ou seja, Eshu não julga ninguém quando é solicitado, mas ele não é o verdadeiro responsável pela má índole dos seres humanos. 

Guias Exús na Umbanda

Há ainda outro diferencial muito característico sobre o termo Exú. No terreiro de Umbanda é comum ver os Exús darem passes ou praticarem trabalhos de Limpeza Espiritual. Na verdade, esses Seres de Luz que atuam apenas do lado direito são Guias Exús. Não trata-se do Orixá, mas sim de Guias Espirituais que podem ter diferentes nomes. 

Veja a seguir os principais nomes de Guias que se denominam Exús!

  • Exú Caveira
  • Caveirinha
  • Exú Mirim
  • Tiriri
  • Exu Marabô
  • Capa Preta
  • Exú Veludo
  • Tranca Rua
  • Exú Gato Preto
  • Treme Terra
  • Exú Calunga
  • Arranca Toco
  • Exú Lalu
  • Mulambo

Sincretismo do Orixá no Catolicismo

Esse Orixá é sincretizado no Catolicismo como Santo Antônio, pois é celebrado no dia 13 de junho, o mesmo dia de celebração do Santo. Além disso, as intenções amorosas do Santo também se assemelham às características do Orixá, que é visto popularmente como o Senhor do Sexo. 

Oração para Exú

Há várias formas de cultuar Eshu, sendo uma delas através da Oração. Veja a seguir um exemplo de oração feita ao Orixá!

oração exú
Oração para Exú

Culto ao Orixá

O Orixá pode ser cultuado de várias formas, como já mencionamos. A oração é uma das formas mais presentes no dia a dia das pessoas, mas há outras maneiras de se comunicar com o Orixá que envolve celebrações, rituais, oferendas, saudações e muito mais. 

Como já mencionado, o Orixá é celebrado no dia 13 de junho. Seu dia da semana é segunda-feira, pois Eshu possibilita abrir caminhos e proporcionar crescimento logo no início da semana. Em suas celebrações são utilizados adornos, roupas e itens decorativos nas cores vermelho e preto.

Já as saudações mais utilizadas para o Orixá são Laroyê Exú, que significa Mensageiro, Exú!, e Exú e Mojubá, que significa Exú, a vós meu respeito!

As oferendas realizadas ao Orixá quase sempre são com a intenção de abrir caminhos amorosos ou profissionais, fortalecer a fé e a força interior, proporcionar limpeza espiritual e auxiliar na saúde de quem realiza a oferenda ou em nome de alguém. 

Por ser muito próximo da humanidade, o Orixá aceita quase todos os tipos de alimentos em suas oferendas. Mas sua comida favorita é o Padê, que é uma mistura de ingredientes muito variados como farinha de mandioca, pinga, azeite de dendê, cebola, pimentas, entre outros itens. 

Essa é a história e as características do Orixá da proteção.

Para saber mais sobre os Orixás, continue lendo outros artigos aqui no Espaço Recomeçar.

Conheça outros Orixás:

Compartilhe com seus amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você não chegou aqui por acaso!

Não saia sem antes falar com a gente.
Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Send this to a friend