Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Ciúmes no relacionamento: o que é e como controlar esse sentimento

Alguns dizem que o ciúmes no relacionamento é um tempero, enquanto outros dizem que ele só atrapalha a relação. Em todo caso, sentir-se desconfiado é algo que deixa qualquer pessoa angustiada. E ver o outro com esse sentimento, nem sempre é legal. 

ciúmes no relacionamento, mulher olhando celular do marido
Ciúmes no relacionamento podem atrapalhar muito a felicidade do casal

Portanto, a seguir explicaremos o que é o ciúmes, quais são os tipos, porquê sentimos isso e como esse sentimento pode atrapalhar um relacionamento. Confira!

O que é ciúmes no relacionamento e quais são os tipos?

O ciúmes é uma reação psicológica bastante complexa que, na verdade, está ligado ao nosso instinto de preservar uma relação importante, independente se é familiar, entre amigos ou afetiva. 

Portanto, trata-se de um sentimento difícil de entender e de lidar com a situação, já que ele causa a sensação de paranoia, insegurança e medo de perder alguém importante. Geralmente, esse sentimento está atrelado a um fator que gera a desconfiança, como a quebra de confiança, traição, término de um vínculo muito importante, entre outras coisas. 

Sabendo disso, devemos entender que o ciúmes é uma condição natural, comum e que não oferece grandes problemas. Contudo, nem todos os tipos de ciúmes são saudáveis e alguns deles podem atrapalhar um relacionamento amoroso.

Os tipos mais conhecidos são: ciúmes doentio, possessivo, retroativo e obsessivo. Veja a seguir um pouco mais sobre esses tipos de sentimentos e o que eles podem representar em um relacionamento.

1. Doentio

Também chamado de ciúmes patológico, esse é o tipo de ciúmes exagerado que afeta diferentes áreas da vida da pessoa. Portanto, ele não é um sentimento saudável e pode acabar com um relacionamento e até mesmo torná-lo um relacionamento abusivo. Esse tipo de ciúmes no relacionamento, é um sentimento que faz com que a pessoa se sinta insegura o tempo todo e passe a perseguir o parceiro.

2. Possessivo

O ciúmes possessivo vai além da desconfiança em excesso. Ele é caracterizado por um sentimento de posse, onde a pessoa acredita ser dona do outro e quer controlar tudo da vida da pessoa, incluindo a roupa que ela deve vestir, o local que deve trabalhar, com quem deve conversar, os amigos que a pessoa tem, entre outras coisas. 

3. Retroativo

Esse é o famoso ciúmes do passado ou ainda o ciúmes de ex. É um tipo de ciúmes no relacionamento bem frequente, ainda mais no início de uma relação. Ele ocorre quando um ou os dois se sente inseguro sobre a vida passada do outro. Ou seja, dos ex-namorados, ex-namoradas, ex-esposa, ex-marido e até mesmo da família construída com o ex. Dependendo da situação, pode afetar negativamente o relacionamento. 

4. Obsessivo

Trata-se de uma obsessão criada pela pessoa que sente esse sentimento. É uma mistura de possessividade com retroatividade e até mesmo patologia. O parceiro ou parceira se torna o centro da vida da pessoa e tudo é motivo para ciúmes. Esse tipo de sentimento pode acabar não apenas com o relacionamento, mas também com a pessoa que o sente. 

Por que sentimos ciúmes no relacionamento? É normal ter esse sentimento?

Existem muitas razões para que uma pessoa sinta ciúmes da outra, mas o principal deles é a insegurança. Quando a pessoa não se sente segura consigo mesma, não acredita em seu próprio potencial e acha que não é bom o bastante, acaba desconfiando de tudo o tempo todo, mas sem ter nenhum motivo para isso.

Basicamente, é normal ter ciúmes no relacionamento. Contudo, não significa que não há algo de errado ao ter essa insegurança. Portanto, veja algumas causas desse sentimento.

Falta de segurança

Esse é o motivo mais comum, pois está atrelado diretamente a quem sente esse sentimento de desconfiança o tempo todo. Na maioria das vezes, a pessoa se sente assim por ser insegura consigo mesma. 

Traição ou quebra de confiança

Quando há uma quebra de confiança como ocorre na traição, é difícil confiar novamente no parceiro ou parceira. Logo, esse sentimento aparece o tempo todo como uma defesa para não passar pelo mesmo problema. 

Comportamento do outro

Em alguns casos, o parceiro ou parceira pode ter um comportamento que deixa a pessoa insegura. Quando isso acontece, há também a falta de respeito pela relação e a quebra da confiança.

Apego emocional

Quando o ser humano se torna dependente do outro é difícil manter-se longe ou pensar em perder a pessoa amada. Logo, esse sentimento costuma aparecer e se torna um reflexo do apego emocional. 

Existe tratamento para ciúmes e desconfiança?

Não existe um tratamento específico, mas há várias formas de tratar esses sentimentos autodestrutivos. Tudo depende do caso, do nível de desconfiança e da situação vivenciada por cada casal. Mas em casos onde os sintomas de ciúmes mostram um excesso de controle e obsessão, é preciso acompanhamento psicológico.

Ciúmes: sintomas físicos de uma pessoa ciumenta

Geralmente, você percebe que uma pessoa é ciumenta pela forma de falar, se comportar, pelas mudanças de humor e pelo olhar. Portanto, a pessoa ciumenta não gosta de ver o parceiro conversando com outra pessoa, exige satisfação sobre onde estava, entre outras coisas.

Ciúmes doentio: sintomas de que algo está errado

Se a pessoa não consegue mais viver, se o ciúmes no relacionamento é cada vez mais constante, fica o tempo todo desconfiada do outro, quer saber onde o parceiro ou parceira está a todo custo e vive uma tremenda paranoia, certamente está apresentando sintomas de uma patologia. 

Ciúmes significa amor? Será que ciúmes é sinal de amor?

Algumas pessoas tentam justificar o ciúmes dizendo ser um sinal de amor. Contudo, é importante diferenciar um sentimento do outro. Não é porque uma pessoa ama que ela deve “ficar com o olho aberto” o tempo todo em cima do parceiro. Da mesma forma, não é porque a pessoa sente aquele ciúmes que é o medo de perder a exclusividade, que ela deixou de amar o parceiro. 

Sendo assim, ambos os sentimentos podem coexistir, mas são diferentes e um não depende necessariamente do outro. 

Ciúmes no relacionamento é prejudicial? 

A maioria dos relacionamentos experimenta algum nível de ciúmes. Contudo, diversos problemas conjugais podem iniciar por causa desse sentimento de desconfiança. Quando o sentimento começa a controlar a pessoa que sente e afeta a relação, então esse ciúmes no relacionamentose torna prejudicial.

Ciúmes no relacionamento e insegurança são a mesma coisa?

Basicamente, ciúmes é o mesmo que insegurança. Isso porque o sentimento é movido pelo medo de perder o outro, de perder a exclusividade, de ser colocado de lado, de perder o espaço, entre outras coisas. Sendo assim, podemos observar que há uma insegurança por detrás disso, assim como a possessividade.

Como controlar o ciúmes? Como lidar com ciúmes no relacionamento?

Não existe um guia simples de como parar de ter ciúmes no relacionamento. Se fosse assim tão fácil, ninguém iria querer sentir ciúmes no relacionamento, afinal, esse sentimento deixa qualquer pessoa angustiada. Contudo, há algumas dicas que você pode colocar em prática para controlar e lidar com esse sentimento no relacionamento.

Eleve a sua autoestima

A forma mais simples de parar de desconfiar do outro é se sentindo bem, capaz e importante. Faça isso por você, para que você possa se sentir bem e feliz. 

Converse sempre sobre suas inseguranças

Expor o quanto você se sente insegura sobre determinada situação pode ajudar a lidar com o problema. Dessa forma, será mais fácil que o outro entenda seus medos e passe a ajudar você nessa situação.

Racionalize seu sentimento

A insegurança não é nada racional, portanto, tente encarar o ciúmes no relacionamento como um sentimento que tira você do sério e a torna uma pessoa irracional. Logo, manter a racionalidade no momento de ira é a melhor solução para lidar com esse problema.

Como acabar com o ciúmes no relacionamento? Como lidar com o ciúmes do outro?

Muitas mulheres procuram ajuda dizendo: ele tem ciúmes de mim, o que eu faço? Contudo, é difícil acabar com esse sentimento, se ele é baseado em uma insegurança do outro. No entanto, veja algumas dicas que podem ajudar a lidar com a insegurança do parceiro ou parceira. 

Converse com seu parceiro

A melhor forma de solucionar um problema é conversando. Sendo assim, estabeleça um diálogo e mostre que você está aberto para conversar sobre suas inseguranças. Não se envolva na ansiedade de ficar pensando o que está acontecendo, simplesmente: converse. Assim ele terá mais confiança em dizer o que pensa e como se sente. 

Seja transparente e confiável

Se já é difícil para o outro confiar em você, então é importante que você seja transparente e confiável. O outro deve ver você como um livro aberto para poder lidar com esse sentimento e amadurecer a confiança no relacionamento.

Estimule a Inteligência Emocional no outro

A solução definitiva para lidar com problemas de ciúmes é desenvolvendo a Inteligência Emocional. Portanto, converse com seu parceiro sobre isso e faça exercícios que permitam esse desenvolvimento.

Caso você esteja com problemas no seu relacionamento por causa de ciúmes, saiba que você também pode recorrer à Ajuda Espiritual. Agende agora mesmo sua Consulta Espiritual aqui no Espaço Recomeçar para entender melhor tudo que está acontecendo no seu relacionamento. 

Compartilhe com seus amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você não chegou aqui por acaso!

Não saia sem antes falar com a gente.
Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Send this to a friend