Dificuldades em lidar com as diferenças de personalidade e temperamento

Você já se perguntou por que algumas pessoas são mais calmas e outras mais explosivas? Por que algumas são mais sociáveis e outras mais reservadas? Essas são algumas das diferenças de personalidade e temperamento, que podem inclusive gerar conflitos entre os casais, especialmente quando não há compreensão e respeito mútuo. As dificuldades em lidar com as diferenças de personalidade e temperamento são muito comuns.

Isso porque só conhecemos alguém de verdade a partir da convivência, no dia a dia e nos problemas que surgem. Muitas vezes, o que nos atrai no outro é justamente o que nos incomoda depois. Por isso, é importante saber como lidar com essas diferenças e buscar uma harmonia na relação.

Neste artigo, vamos explicar como o temperamento se relaciona com a nossa personalidade, qual a diferença entre caráter, personalidade e temperamento, entre outras questões importantes. Acompanhe!

como lidar com os tipos de temperamento
Saiba como lidar com os tipos de temperamento em um relacionamento amoroso!

Como o temperamento se relaciona com a nossa personalidade?

O temperamento é a parte inata da nossa personalidade, ou seja, aquela que já nasce conosco e que é influenciada pela genética e pela biologia. É a forma como reagimos aos estímulos externos, como expressamos nossas emoções e como nos adaptamos às situações. Portanto, o temperamento é estável ao longo da vida e difícil de ser modificado.

Por outro lado, a personalidade é a parte adquirida com o tempo de quem somos, ou seja, aquela que se desenvolve ao longo da vida e que é influenciada pelo ambiente, pela cultura, pela educação e pelas experiências. A personalidade é o conjunto de características psicológicas que nos tornam únicos e que determinam nossos pensamentos, sentimentos, atitudes e comportamentos. Por isso, ela é dinâmica e pode ser modificada.

O temperamento e a personalidade se relacionam de forma complementar, pois ambos contribuem para formar a nossa identidade. Enquanto que o temperamento é como a base da nossa personalidade e nos dá as tendências naturais, a personalidade é como o acabamento e nos dá as escolhas conscientes.

Encontre alguém para compartilhar experiências, conquistas e desafios

Qual a diferença entre caráter, personalidade e temperamento?

Muitas vezes, as palavras caráter, personalidade e temperamento são usadas como sinônimos, mas elas têm significados diferentes. Veja a seguir qual a diferença entre elas:

Caráter: é o conjunto de valores morais e éticos que orientam nossas ações e decisões. Ele é formado pela educação, pela cultura e pelo livre-arbítrio, podendo ser bom ou mau, dependendo dos critérios que usamos para julgar.

Personalidade: é o conjunto de características psicológicas que nos tornam únicos e que determinam nossos pensamentos, sentimentos, atitudes e comportamentos. É formada pelo temperamento, pelo ambiente, pela cultura, pela educação e pelas experiências, e pode ser classificada em diferentes tipos.

Temperamento: é a parte inata da nossa personalidade que já nasce conosco e que tem como influência a genética e a biologia. É também a forma como reagimos aos estímulos externos, como expressamos nossas emoções e como nos adaptamos às situações, e pode ser categorizado em diferentes tipos.

5 dicas de como encontrar alguém para namorar!

Como lidar com os tipos de temperamento?

Existem diversas teorias que tentam explicar os tipos de temperamento humano. Uma das mais conhecidas é a teoria dos quatro temperamentos: sanguíneo, colérico, melancólico e fleumático. Cada um desses temperamentos tem suas características próprias, seus pontos fortes e seus pontos fracos. Veja a seguir como lidar com cada um deles:

1. Sanguíneo

É o temperamento mais extrovertido, alegre, comunicativo e sociável. O sanguíneo gosta de novidades, de diversão, de aventura e de atenção, tem facilidade para fazer amigos, para se expressar e para se adaptar. 

Por outro lado, o sanguíneo pode ser impulsivo, superficial, inconstante e irresponsável. Para lidar com esse temperamento, é preciso ter paciência, flexibilidade, bom humor e criatividade.

2. Colérico

É o temperamento mais ativo, dinâmico, determinado e líder. O colérico gosta de desafios, de resultados, de poder e de controle e tem facilidade para tomar decisões, para resolver problemas, para organizar e para liderar. 

Por outro lado, o colérico pode ser agressivo, arrogante, intolerante e autoritário. Para lidar com ele, é preciso ter respeito, firmeza, objetividade e competência.

3. Melancólico

É o temperamento mais introvertido, sensível, profundo e perfeccionista. Esse temperamento gosta de ordem, de qualidade, de beleza e de significado. O melancólico tem facilidade para pensar, para analisar, para planejar e para criar. 

Por outro lado, o melancólico pode ser pessimista, crítico, exigente e depressivo. Para lidar com essa pessoa, é preciso ter compreensão, carinho, apoio e reconhecimento.

4. Fleumático

É o temperamento mais calmo, equilibrado, tranquilo e pacífico. O fleumático gosta de harmonia, de estabilidade, de conforto e de segurança e tem facilidade para ouvir, para cooperar, para mediar e para conciliar. 

Por outro lado, o fleumático pode ser passivo, indiferente, preguiçoso e acomodado. Para lidar com ele, é preciso ter estímulo, motivação, incentivo e confiança.

Estou passando por momentos difíceis em meu relacionamento

É possível mudar o temperamento de uma pessoa?

O temperamento é algo que não se pode mudar, pois é a parte da personalidade que já nasce conosco. É algo completamente estável ao longo da vida e difícil de ser modificado. No entanto, isso não significa que não possamos melhorar ou desenvolver alguns aspectos do nosso temperamento.

Afinal de contas, ele nos dá as tendências naturais, mas não nos determina completamente. Nós podemos escolher como agir diante das situações e das pessoas. Nós podemos aprender a controlar nossas emoções e impulsos. E podemos buscar um equilíbrio entre os nossos pontos fortes e os nossos pontos fracos.

Para mudar o temperamento de uma pessoa, é preciso que ela tenha consciência do seu próprio temperamento e do temperamento dos outros. Também é preciso que ela tenha vontade de mudar e disposição para se esforçar. Lembrando que você jamais deve obrigar alguém a fazer isso.

Mudar o temperamento de uma pessoa não é fácil nem rápido. É um processo que exige tempo, paciência e persistência. Mas é possível e vale a pena. Afinal, mudar o temperamento de uma pessoa significa melhorar a sua qualidade de vida e a sua relação com os outros.

Para finalizar, uma forma de superar as dificuldades em lidar com as diferenças de personalidade e temperamento é por meio da Ajuda Espiritual. Um Trabalho de Adoçamento Amoroso pode tornar você ou a pessoa amada mais dócil, para que a convivência entre vocês seja muito mais equilibrada. Agende sua Consulta Espiritual no nosso WhatsApp e saiba se essa é a solução mais adequada para você!

Se gostou deste conteúdo, veja mais em nosso blog. Aproveite para curtir nosso Facebook, siga nosso Instagram, ouça nossos podcasts e se inscreva em nosso canal no YouTube.

5/5 - (2 votes)
logo recomecar azul 2tgRFQ 3242863

O Espaço Recomeçar é uma Casa de Apoio Espiritual fundada em 2002 e localizada em São Paulo.
Nossa missão é levar felicidade e paz de espírito a nossos clientes. Aqui, você conseguirá encontrar o sonhado equilíbrio pessoal e ser feliz no AMOR!

logo recomecar

Você não chegou aqui por acaso!

Não saia sem antes falar com a gente.
Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Maicon ads 1500x1300 1 1024x887 1