O que não fazer na hora da raiva? Veja essas dicas!

Você sabe o que não fazer na hora da raiva? Não tomar decisões importantes e não dizer coisas que você pode se arrepender são algumas atitudes essenciais!

A raiva é uma emoção humana natural, mas que pode causar muitos problemas se não for controlada. Quando estamos com raiva, podemos dizer ou fazer coisas das quais nos arrependemos depois, prejudicando a nós mesmos e aos outros. Por isso, é importante saber como lidar com a raiva de forma saudável e construtiva.

Se você tem dificuldade em lidar com a raiva e se sente tomado por esse sentimento, conte com a ajuda do Espiritualista Maicon Paiva para encontrar paz e harmonia em seu relacionamento. Saiba mais sobre como podemos te ajudar!

o que fazer quando a raiva não passa
Veja essas dicas sobre o que fazer quando a raiva não passa!

Não faça isso na hora da raiva!

Para não ter maiores problemas durante uma briga ou discussão, evite ao máximo essas atitudes na hora da raiva:

  1. Não grite ou xingue o outro, isso só vai aumentar o conflito e a tensão, além de ser desrespeitoso e agressivo;
  2. Não use a violência física ou verbal jamais, isso pode machucar o outro ou a si mesmo;
  3. Não tome decisões importantes ou definitivas, quando estamos com raiva, podemos agir por impulso e não pensar nas consequências;
  4. Não se isole ou guarde a raiva para si, isso fará com que você se sinta pior e acumule sentimentos negativos;
  5. Não se culpe ou se vitimize, é preciso assumir a responsabilidade pelos seus atos e aprender com eles;
  6. Não se envolva em comportamentos destrutivos ou autodestrutivos, como consumir álcool, drogas, comida em excesso, que proporcionam alívio temporário, mas trazem consequências;
  7. Não ignore ou negue a sua raiva, a raiva é um sinal de que algo está errado e precisa ser resolvido. 

Portanto, tire como aprendizado disso tudo que é normal sentir raiva e que você não deve ignorar ou negar esse sentimento. Mas deve ter controle das suas emoções para não ter maiores problemas por causa da raiva.

Sendo assim, conte com o Espaço Recomeçar. Nós podemos realizar Trabalhos Espirituais que vão te ajudar a encontrar o equilíbrio das suas emoções, além de libertar sentimentos negativos que podem estar influenciando no seu comportamento. Agende uma Consulta Espiritual com Maicon Paiva acessando o nosso WhatsApp!

O que fazer quando a raiva não passa?

Se você sente que a sua raiva é persistente, frequente ou excessiva, pode ser que você esteja sofrendo de um transtorno sério que pode comprometer a sua saúde mental. Nesse caso, é recomendável procurar ajuda profissional de um psicólogo ou psiquiatra, que pode te orientar sobre as causas, os sintomas e os tratamentos adequados para o seu caso.

Além disso, existem algumas estratégias que podem te ajudar a lidar com a raiva de forma eficaz. Veja quais são elas:

  • Respire fundo e conte até dez;
  • Pratique exercícios físicos;
  • Medite ou faça alguma técnica de relaxamento;
  • Use técnicas de comunicação assertiva;
  • Buscar soluções para os problemas que te causam raiva;
  • Procurar atividades que te deem prazer e alegria.

Por que sentimos raiva de quem amamos? Entenda!

Quais são os sintomas da crise de raiva?

A crise de raiva é um episódio de explosão emocional, que pode ser desencadeado por situações de frustração, injustiça, ofensa e ameaça. Os sintomas da crise de raiva podem variar de pessoa para pessoa, mas geralmente incluem:

  • Aumento da frequência cardíaca, da pressão arterial e da temperatura corporal;
  • Tensão muscular, tremores, suor e dor de cabeça;
  • Alteração da voz, que pode ficar mais alta, mais grave ou mais aguda;
  • Mudança da expressão facial, que pode ficar mais vermelha, mais pálida ou mais rígida;
  • Alteração do olhar, que pode ficar mais fixo, mais arregalado ou mais estreito;
  • Mudança na postura, que pode ficar mais ereta, mais curvada ou mais agitada;
  • Alteração do comportamento, que pode envolver gritar, xingar, chorar, bater, jogar objetos e até quebrar coisas.

Esses sintomas indicam que você, ou o outro, está passando por um momento de crise de raiva. Caso você perceba-os em você, é importante respirar fundo, controlar as suas emoções e se afastar por um momento para recuperar o seu equilíbrio. E se notar esses sintomas no outro, não tente dialogar. Se afaste e espere a pessoa se acalmar.

É melhor bloquear ou ignorar o ex? Entenda!

Quando a tristeza se transforma em raiva?

A tristeza é uma emoção natural que surge quando enfrentamos uma perda, uma decepção ou uma frustração. A raiva, por sua vez, é uma reação emocional intensa que surge quando nos sentimos ameaçados, ofendidos ou injustiçados. Ambas as emoções são válidas e necessárias, mas podem se tornar problemáticas quando não são expressas ou reguladas adequadamente.

Saiba que a tristeza pode se transformar em raiva quando não conseguimos aceitar ou lidar com a situação que nos causou dor. Podemos sentir que não temos controle sobre o que aconteceu, que fomos abandonados, traídos ou rejeitados, e que não há nada que possamos fazer para mudar isso. Essa sensação de impotência e desesperança pode gerar uma frustração intensa, que pode se manifestar como raiva.

A raiva, nesse caso, pode ser uma forma de defesa contra a tristeza, uma forma de negar ou evitar o sofrimento. Podemos projetar nossa raiva nos outros, culpando-os pelo que nos aconteceu, ou em nós mesmos, sentindo-nos culpados ou indignos. Podemos também expressar nossa raiva de forma agressiva ou violenta, causando danos a nós mesmos ou aos outros.

No entanto, a raiva não resolve a tristeza, apenas a mascara. A raiva pode nos dar uma sensação de poder e energia, mas também pode nos isolar e nos afastar das pessoas que nos amam e nos apoiam. Esse sentimento pode nos impedir de entrar em contato com nossos sentimentos mais profundos e de buscar ajuda ou consolo. A raiva pode nos impedir de fazer o luto e de seguir em frente.

Portanto, é importante reconhecer e diferenciar a tristeza da raiva, e aprender a expressar e regular ambas as emoções de forma saudável e construtiva. 

Você pode contar com o Espaço Recomeçar para equilibrar essas emoções, que podem ser influenciadas por energias negativas e até espíritos obsessores. Agende a sua Consulta Espiritual e descubra como podemos te ajudar!

Continue acompanhando os conteúdos aqui do blog. Aproveite para conhecer nosso canal no YouTube, seguir nosso Instagram e curtir nosso Facebook. Agora também estamos no Spotify, confira nosso podcast.

Deixe o seu Voto
logo recomecar azul 2tgRFQ 3242863

O Espaço Recomeçar é uma Casa de Apoio Espiritual fundada em 2002 e localizada em São Paulo.
Nossa missão é levar felicidade e paz de espírito a nossos clientes. Aqui, você conseguirá encontrar o sonhado equilíbrio pessoal e ser feliz no AMOR!

logo recomecar

Você não chegou aqui por acaso!

Não saia sem antes falar com a gente.
Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Maicon ads 1500x1300 1 1024x887 1