Como sair de um relacionamento aberto?

Como sair de um relacionamento aberto? Você já se viu em um relacionamento aberto que não era o que você queria? Talvez você tenha aceitado essa proposta para não perder a pessoa que ama, mas agora se sente infeliz, inseguro e com medo de ser trocado. Se esse é o seu caso, saiba que você não está sozinho. Muitas pessoas entram em um relacionamento aberto sem ter certeza do que isso significa e do que esperam da relação.

Neste artigo, vamos falar sobre como sair de um relacionamento aberto de forma honesta e respeitosa, sem magoar o seu parceiro ou parceira. Vamos explicar o que é um relacionamento aberto, quais são os benefícios e os desafios desse tipo de relação e como você pode expressar o seu desejo de fechar o relacionamento novamente. Se você quer entender mais sobre esse tema e saber como lidar com essa situação delicada, continue lendo este artigo!

por que as relações abertas estão cada vez mais comuns
Você sabe por que as relações abertas estão cada vez mais comuns? Entenda!

Eu não quero relacionamento aberto

Se você está em um relacionamento aberto que não te faz feliz, é importante que você reconheça o seu sentimento e se respeite. Você não precisa aceitar algo que vai contra os seus valores e desejos apenas para agradar o outro. Lembre-se de que um relacionamento deve ser baseado na confiança, no diálogo e na sintonia entre as partes envolvidas.

Muitas vezes, as pessoas têm medo de dizer que não querem um relacionamento aberto porque acham que vão perder o seu amor. Mas isso é um engano. Se você ama alguém, você quer o bem dessa pessoa e também o seu próprio bem. Você não pode se sacrificar por uma relação que não te satisfaz e que te causa sofrimento. Você merece ser feliz e ter alguém que te valorize e te respeite.

Por isso, é fundamental que você expresse o seu desejo de fechar o relacionamento ao seu parceiro ou parceira. Você pode fazer isso de forma gentil e sincera, explicando os seus motivos e sentimentos. Não se trata de uma imposição ou de uma cobrança, mas de uma conversa honesta entre duas pessoas que se amam. Você pode tentar entender o ponto de vista do outro, mas também deve defender o seu. O objetivo é chegar a um consenso que seja bom para ambos.

Diferença entre poliamor e relacionamento aberto!

Por que as pessoas optam por relacionamento aberto?

Antes de falar sobre como sair de um relacionamento aberto, é importante entender o que leva as pessoas a optarem por esse tipo de relação. Um relacionamento aberto é aquele em que os parceiros ou parceiras concordam em ter relações sexuais ou afetivas com outras pessoas, sem que isso seja considerado uma traição ou uma falta de compromisso. Cada casal pode definir as suas próprias regras e limites para esse tipo de relação.

As razões para escolher um relacionamento aberto podem variar de acordo com cada pessoa e cada situação. Algumas possíveis motivações são:

  • Buscar novas experiências e sensações;
  • Satisfazer desejos ou fantasias sexuais que não são compartilhados pelo parceiro ou parceira;
  • Evitar a monotonia ou a rotina na relação;
  • Preservar a liberdade e a individualidade de cada um;
  • Fortalecer a confiança e a cumplicidade entre o casal;
  • Resolver problemas de incompatibilidade sexual ou afetiva.

Um relacionamento aberto pode funcionar bem para algumas pessoas, desde que haja consentimento, respeito, comunicação e cuidado. No entanto, nem todo mundo se sente confortável com essa ideia e pode preferir uma relação mais tradicional e exclusiva. Isso não significa que uma forma de se relacionar seja melhor ou pior do que a outra, mas sim que cada um tem as suas preferências e necessidades.

O que é relacionamento aberto? Entenda de uma vez por todas!

Por que as relações abertas estão cada vez mais comuns?

Você já percebeu que as relações abertas estão cada vez mais comuns na sociedade atual? Isso pode ser explicado por uma série de fatores que influenciam a forma como as pessoas se relacionam amorosamente. Alguns desses fatores são:

  • A maior diversidade e pluralidade de identidades e orientações sexuais e afetivas;
  • A maior liberdade e autonomia das mulheres para expressarem os seus desejos e escolhas;
  • A maior valorização da individualidade e da autenticidade de cada um;
  • A maior abertura e tolerância para diferentes formas de amar e se conectar;
  • A maior disponibilidade e acesso a informações e recursos sobre sexualidade e relacionamentos;
  • A maior facilidade e rapidez para conhecer e se comunicar com outras pessoas através da internet e das redes sociais.

Esses fatores contribuem para que as pessoas se sintam mais livres e curiosas para experimentar novas possibilidades de se relacionar, sem se limitarem aos modelos tradicionais e normativos. Assim, as relações abertas surgem como uma alternativa para quem busca mais flexibilidade, diversidade e prazer nas suas relações amorosas.

Diferenças de valores e expectativas em relação ao relacionamento

Quais são as regras de um relacionamento aberto?

Para finalizar, precisamos lembrar que um relacionamento aberto também é um relacionamento sério, e ele pode ser um namoro aberto ou um casamento aberto. Esse tipo de relação funciona para algumas pessoas, apresenta vantagens e desvantagens, mas é preciso de regras para que dê certo e não gere ciúme, intriga, desconfiança ou outro problema na relação.

Um relacionamento aberto não significa que tudo é permitido e que não há limites ou compromissos entre o casal. Pelo contrário, esse tipo de relação exige que haja algumas regras claras e acordadas entre os parceiros ou parceiras. Algumas regras gerais que podem ser seguidas são:

  • Ter o consentimento e a concordância de ambos para abrir o relacionamento;
  • Definir o que é considerado uma relação aberta e quais são os tipos de envolvimento permitidos com outras pessoas (sexo casual, namoro, amizade colorida, etc.);
  • Estabelecer os limites e as condições para ter relações com outras pessoas (onde, quando, como, com quem, etc.);
  • Comunicar-se aberta e honestamente sobre as expectativas, os sentimentos e as experiências vividas com outras pessoas;
  • Respeitar a privacidade e a individualidade de cada um, sem invadir ou controlar o outro;
  • Proteger-se e cuidar da saúde sexual e emocional de todos os envolvidos;
  • Priorizar a relação principal e manter o carinho, a confiança e a cumplicidade entre o casal.

Essas são apenas algumas sugestões de regras que podem ser adotadas em um relacionamento aberto. Cada casal pode criar as suas próprias regras, de acordo com as suas necessidades e preferências. O importante é que haja um diálogo franco e respeitoso entre as partes, e que as regras sejam cumpridas com responsabilidade e coerência.

No entanto, se você não quer um relacionamento aberto, não aceite essa situação apenas para manter o seu namoro ou casamento. Você tem o direito de escolher o tipo de relação que te faz feliz e que está de acordo com os seus valores e desejos. Não se submeta a algo que te machuca ou te incomoda por medo de perder o seu amor. Lembre-se de que o amor verdadeiro é aquele que te aceita e te respeita como você é.

Continue aprendendo sobre relacionamentos aqui no nosso blog. Veja também nossos conteúdos nas redes sociais: Facebook, Instagram, YouTube e Spotify.

5/5 - (3 votes)
logo recomecar azul 2tgRFQ 3242863

O Espaço Recomeçar é uma Casa de Apoio Espiritual fundada em 2002 e localizada em São Paulo.
Nossa missão é levar felicidade e paz de espírito a nossos clientes. Aqui, você conseguirá encontrar o sonhado equilíbrio pessoal e ser feliz no AMOR!

logo recomecar

Você não chegou aqui por acaso!

Não saia sem antes falar com a gente.
Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Maicon ads 1500x1300 1 1024x887 1