Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Xangô: Conheça o Orixá responsável pela justiça kármica!

Símbolo da virilidade e do que é justo, Xangô é um Orixá cultuado em religiões de origem africana que atua na justiça kármica.

Ou seja, ele é responsável por proporcionar justiça como consequência, por isso o nome de justiça kármica. 

Conhecido por sua sensualidade e características que o destacam como um Orixá másculo e conquistador, Xangô tem diversos dons quando o assunto é conquista. Dessa maneira, foram poucas as mulheres que resistiram ao Orixá.

Ele também é um dos Orixás que rege 2020, você sabia?

xangô

Xangô: o Orixá da Justiça Kármica

Quer saber mais sobre as características, filhos, culto e muito mais desse Orixá? Então, acompanhe o artigo até o final para descobrir tudo sobre essa Entidade de Luz que é responsável pela justiça kármica. 

Quem é Xangô?

Xangô é o Orixá da justiça e que tem como símbolo o fogo, raios e trovões. Dessa forma, possui personalidade forte, Xangô é agressivo, viril, justo e violento. Perceba que há uma mistura de elementos que fazem dessa Entidade de Luz um ser bastante temido. 

A justiça praticada por Xangô considera o karma, que é a reação de cada ação feita pelas pessoas. Então, em sua decisão justa, o Orixá considera todas as vidas que a pessoa já teve para finalmente submetê-la a justiça kármica. 

Muito conquistador, esse Orixá possui dons incríveis para a sedução. Não é à toa que poucas mulheres conseguiram resistir aos encantos de Xangô. Dessa forma, por conta de toda essa vaidade, beleza, sensualidade e dons conquistadores, o Orixá foi disputado por três grandes e poderosas Orixás, sendo elas: Iansã, Oxum e Obá. 

Além das características já mencionadas, Xangô representa a misericórdia, lealdade, espírito guerreiro, justiça e a conquista. Como símbolo, o Orixá trás consigo os raios dos céus, o fogo e os trovões que demonstram toda a sua garra, coragem, dinamismo e vigor. 

Xangô é muito responsável, por isso não tem piedade ao controlar as forças que são de sua responsabilidade. Ou seja, não existe um ser se quer que consiga impedir a sua justiça, nem mesmo há quem consiga enganá-lo, considerando que ele pode ver a alma das pessoas. 

Quem tenta enganar o Orixá só consegue despertar ainda mais a ira de Xangô. Assim, como há pessoas que praticam o mal e saem impunas na justiça humana, elas não se livrarão da justiça kármica do Orixá. 

História de Xangô

Xangô é um Orixá de várias histórias interessantes. A mais contada sobre o Orixá é sobre sua ascensão como Entidade Espiritual. De acordo com a história, Xangô incendiou seu reino e desafiou seu melhor general de luta em um de seus treinamentos de guerra, seguindo as regras e tradições de seu povo.

Ao perder a luta, ele teve que se abdicar da própria vida, algo que também era visto como uma tradição de seu povo em vista do sofrimento que ele fez seu reino passar. Para cumprir com a tradição, Xangô foi enforcado e desapareceu dentro de um buraco na terra. 

Nesse mesmo lugar, apareceu uma corrente de ferro que marcou o fim das gerações humanas. Foi nesse momento que Xangô ascendeu como Orixá e se tornou filho divino de Iemanjá e Oxalá. 

Quem é Xango no Catolicismo?

A sincretização desse Orixá no Catolicismo ocorre com a figura de São Jerônimo ou ainda com São João. Ambos os Santos representam o Orixá em diferentes qualidades e características. São Jerônimo foi um estudioso que nasceu na Iugoslávia, mas viveu na Roma estudando idiomas e escrituras sagradas. 

Esse Santo tem como característica seu grande valor intelectual, além do orgulho e do temperamento difícil. Por conta dessas duas últimas característica, ele fez penitência em um deserto. Quando retornou para a Itália São Jerônimo foi nomeado secretário do conhecido Santo Ambrósio. Porém, faleceu pouco tempo depois.

São João, por outro lado, é o símbolo das fogueiras no mês de junho. Sua celebração que ocorre no dia 24 de junho também está relacionada ao solstício de verão que ocorre na Europa. 

Ambos os Santos possuem características que se assemelham à Xangô, mas claro que o sincretismo é apenas uma forma de relacionar essas Entidades, não se trata da figura concretizada desses Seres. 

Xangô justiça
Xangô e sincretizado como São Jerônimo ou São João

Xango na Umbanda e no Candomblé

Na Umbanda, Candomblé e outras religiões de origem africana, Xangô é um Orixá de grande importância, considerando sua responsabilidade como Entidade de Luz. Seu domínio da justiça kármica tem grande relevância nas ações da humanidade, sendo fundamental para o equilíbrio do Universo. 

Veja a seguir várias características desse Orixá e informações sobre o culto à Xangô!

Filhos de Xangô

Os filhos desse Orixá possuem como características a ação, transformação, impulsividade e o ímpeto. Além disso, eles também são conhecidos por sua ambição, por isso, são motivados pelo sucesso e fortuna. 

Parecidos com o próprio Orixá, seus filhos podem ser bastante inflexíveis, por isso, agem com autoritarismo e intratabilidade. Em oposição a essas características, os filhos de Xangô também podem ser bondosos, misericordiosos, justos, inteligentes e generosos. 

Já o físico dos filhos desse Orixá tem aspectos como a força, ganho de massa muscular ou gordura, beleza natural e a vaidade. Essas pessoas são, além de vaidosas, agitadas e com autoestima elevada. 

Culto ao Orixá

Xangô é celebrado no dia 30 de setembro nas religiões afro-brasileiras. Seu dia da semana é quarta-feira, sendo esse o momento mais indicado para orações, oferendas e o culto ao Orixá. Nas celebrações e rituais feitos em nome do Orixá são utilizadas as cores marrom e vermelho.

Além disso, são feitas oferendas e vários rituais que clamam por justiça ao Orixá misericordioso e justo. Para as oferendas, o Orixá gosta do Amalá que é uma comida típica oferecida a Xangô. Ela é feita através de vários ingredientes combinados como quiabos, azeite de dendê, cebola, entre outros. 

Outra peculiaridade dos cultos aos Orixás é a saudação. No caso desse Orixá, a saudação é a seguinte: Kaô Kabecilê. A expressão significa “Venham saudar o Rei”

Oração a Xangô

Você pode cultuar esse Orixá através da oração dedicada a Xangô. Veja a seguir um exemplo de oração que pode ser feita a essa Entidade de Luz. 

xangô oração
Oração a Xangô

Gostou de conhecer a história de Xangô? Então aproveite para conhecer outros Orixás aqui no Espaço Recomeçar

Compartilhe com seus amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você não chegou aqui por acaso!

Não saia sem antes falar com a gente.
Pare de sofrer por amor, nós podemos te ajudar!

Send this to a friend